Ministério Público da Suíça mantém investigações sobre Odebrecht e Petrobras


Publicado em 06/04/2021 | Lido 87 vezes | Escrito por Gilmar Ribeiro


Ministério Público da Suíça mantém investigações sobre Odebrecht e Petrobras

O Ministério Público da Suíça anunciou em informe anual publicado nesta terça-feira (6) que mantém investigações sobre crimes relacionados com a Operação Lava Jato no Brasil.

 "Os procedimentos da Petrobras-Odebrecht [atual Novonor] continuam sendo um dos maiores complexos da Divisão de Crimes Econômicos, que está sendo tratada por uma força-tarefa", disse o órgão, segundo matéria publicada pelo colunista Jamil Chade, do Uol.

 O Ministério Público ainda detalhou que, na primeira fase, as investigações miraram os “destinatários dos pagamentos (corruptos)” e se concentraram na segunda fase “nas pessoas que efetuaram os pagamentos (corruptores)."

 "Tendo em vista o alcance deste complexo de investigações, o trabalho ainda continua em ambas as fases, embora muitos procedimentos já tenham sido concluídos", indicou o MP.

 "Ao mesmo tempo, na terceira fase, as investigações do Ministério Público estão se concentrando na responsabilidade criminal dos intermediários financeiros na Suíça, também com base nos fatos descobertos nas duas primeiras fases", disse o MP.

 Em meio a denúncias de que a força-tarefa da Lava Jato em Curitiba teria cometido irregularidades na troca de informações entre a Suíça e o Brasil, o MP daquele país reforçou sua posição de que a relação entre as duas nações é positiva.

 "Tanto o processamento de casos nacionais e pedidos de assistência jurídica mútua, como as entregas às autoridades brasileiras viabilizadas pela Suíça com o consentimento das pessoas envolvidas, demonstram a eficácia da boa cooperação entre autoridades nacionais e internacionais em uma investigação complexa desta magnitude", completou.

 Fonte:Bahia Noticia

Olá! É muito bom ver você aqui. Colabore com o site deixando uma mensagem sobre a notícia que acabou de ler. Sua opinião é muito importante para nós!