DESCONTO de 65% na CONTA de luz para todo o país; veja quem pode


Publicado em 29/06/2022 | Lido 159 vezes | Escrito por Gilmar Ribeiro


DESCONTO de 65% na CONTA de luz para todo o país; veja quem pode

Não é segredo para ninguém que a conta de luz vem tendo constantes aumentos nos últimos dias. Por conta disso, muitos brasileiros costumam recorrer a economia de energia com objetivo de reduzir os altos valores na tarifa.

Atualmente, é possível obter um desconto, desconto de até 65% sobre o valor da cobrança, por meio da Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE). Para quem não sabe, essa é uma alternativa do Governo Federal para famílias de baixa renda inscritas no Cadastro Único (Cadúnico). Atualmente, cerca de 27,3 milhões de pessoas são contempladas com os descontos.

Para obter o desconto de até 65% na conta de luz, não é necessário realizar qualquer cadastro. A inclusão das famílias no benefício é automática, conforme regulamentado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Estima-se que, a partir deste mês, cerca de 11,5 milhões de famílias serão acrescentadas ao programa. Basta estar cadastrado no CadÚnico e atender aos demais requisitos elencados acima.

Quem tem direito ao desconto de 65% na conta de luz?

Para obter o desconto na conta de luz, os cidadãos interessados devem cumprir os seguintes requisitos:

Ser deficiente e beneficiário do BPC (Benefício de Prestação Continuada); ou

Ser idosos com 65 anos ou mais;

Compor família inscrita no Cadúnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal);

Ter renda familiar mensal por pessoa igual ou inferior a meio salário mínimo (R$ 606); ou

Ter renda bruta mensal de até três salários mínimos (R$ 3.363), tendo um membro da família portador de doença ou com deficiência grave precisando de uso permanente de aparelhos elétricos para tratamento.

Desconto da Tarifa Social

A Tarifa Social de Energia Elétrica contempla atualmente milhões de famílias brasileiras. O desconto na conta de luz varia conforme o consumo mensal de cada família. Veja:

Até 30 kWh/mês: 65% de desconto;

De 31 kWh/mês até 100 kWh/mês: 40% de desconto;

De 101 kWh/mês até 220 kWh/mês: 10% de desconto;

Quilombolas que consumirem até 50 kWh/mês: 100% de desconto;

A partir de 221 kWh/mês: não há desconto.

Comente sobre o que leu e compartilhe